Arquivo da categoria: Exposições

Seminário Mindlin 2012

Nesta última semana estive envolvido em atividades para ajudar a organização de um seminário e exposição que serão realizados na Biblioteca Mário de Andrade nos próximos dias 26, 27 e 28 de Junho.

Depois de muito trabalho, finalmente terminamos de organizar todo o material e fico feliz de poder divulgar os eventos por aqui. Espero poder encontrar algum de vocês por lá nos próximos dias.

Um mundo sobre papel: livros, gravuras
e mapas na era dos descobrimentos.


A principal biblioteca pública da cidade de São Paulo, a Biblioteca Mário de Andrade, sediará a partir de amanhã o Seminário Mindlin 2012.  Localizada no centro histórico da capital paulista, está instalada em um edifício que é considerado um dos marcos arquitetônicos do estilo art déco na cidade.

A Biblioteca Mário de Andrade fica localizada na Rua da Consolação, 94 – São Paulo/SP. Abaixo segue a programação do seminário, que foi disponibilizada no site da BRASILIANA USP.

PROGRAMAÇÃO DO SEMINÁRIO

26 DE JUNHO
18:00 – 18:30 — Abertura do Seminário
Peter Claes
Cônsul Geral da BélgicaPedro Puntoni
Diretor da Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin da Universidade de São PauloMaria Arminda do Nascimento Arruda
Pró-Reitora de Cultura e Extensão Universitária da Universidade de São Paulo
18:30 – 19:30 — Conferência de abertura
Eddy Stols (Universidade Católica de Lovaina)A produção cultural flamenga nos séculos XVI-XVIII: sua mundialização e a viabilidade dos Países Baixos meridionais
27 DE JUNHO
14:00 – 16:00Antigos e novos suportes da cultura impressa
Cristina Antunes (USP)Priscila Farias (USP)Maria Clara Paixão de Souza (USP)Coordenação: Márcia Almada (UFMG)
16:30 – 19:00Novas naturezas e novas humanidades: a redescoberta da Antiguidade
Dante Martins Teixeira (UFRJ)Thomas Haddad (USP)Luciana Villas Boas (UFRJ)Sérgio Alcides Pereira do Amaral (UFMG)Coordenação: Júnia Furtado (UFMG)
28 DE JUNHO
14:00 – 15:30Cultura visual e transfigurações: leituras ibero-americanas
Camila Santiago (UFRB)Flávia TatschValerie Herremans (Museu de Belas Artes, Antuérpia)Coordenação: Iris Kantor (USP)
16:00 – 18:00A Antuérpia na economia do mundo: a rota dos impressores e livros
Fernando Novais (USP)Marisa Midori (USP)Diogo Ramada Curto (Universidade Nova de Lisboa)Coordenação: Pedro Puntoni (USP)
18:30 – 19:00 — EncerramentoFabrica do mundo: desafios museológicos contemporâneos
Ana Maria Belluzzo (USP)Iris Kockelbergh (Museu Plantin-Moeretus, Antuérpia)Coordenação: René Lommez (UFMG)

Para obter o CADERNO DE RESUMOS do seminário, visite o site especial da Brasiliana.

EXPOSIÇÃO

A Biblioteca Mário de Andrade abriga uma rica coleção de obras raras, versando principalmente sobre o Brasil e os países europeus. Este acervo, organizado por Rubens Borba de Moraes a partir de 1943, conta com nove incunábulos e milhares de obras dos séculos XVI ao XVIII.

Para contribuir com o Seminário, a Biblioteca realiza uma pequena mostra de livros impressos neste período, por membros das famílias Plantin & Craesbbeck. Foram selecionados alguns títulos importantes, vindos principalmente da Coleção Félix Pacheco, comprada em 1936 e que reunia o maior acervo privado de obras raras e de Brasiliana do Brasil, em seu tempo. Abaixo segue uma relação das obras que serão exibidas.

Clique na imagem para ampliá-la

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Arte, Cultura, Educação, Exposições

Let’s Rock Expo

Durante os meses de abril e maio de 2012, São Paulo será palco da maior exposição sobre rock já realizada na América Latina: a Let’s Rock Expo. Quem receberá o evento será a Oca, do Parque do Ibirapuera, e os ingressos já estão sendo vendidos desde o dia 16 de março, com preços variando de R$10,00 (meia entrada e idosos) a R$20,00.

Segundo a divulgação que já está circulando pela Internet, serão pocket shows, workshops, filmes e palestras, começando dia 4 de abril e seguindo até 27 de maio. Além disso, a exposição contará com fotos, capas de revistas, posters e acessórios marcantes do gênero musical ao longo dos anos.

O conteúdo a ser exposto foi conseguido através de parcerias com alguns museus, como o Hall da Fama do Rock and Roll. Todo o material cedido ficará com a seção audiovisual do evento, que mostrará um pouco de ídolos como Led Zeppelin, The Doors, Beatles e Jimi Hendrix, entre outros.

O Rock nasceu com os negros, nos Estados Unidos, e tem influência direta do blues de Mississipi. Já em 1949, Chuck Berry e Little Richards  eram responsáveis por incendiar as platéias estadunidenses com seus solos de guitarras em canções como Johnny Be Goode, Tutti Frutti e Long Tall Sally.

Embora esses artistas chegassem a atrair um bom público, os Estados Unidos no começo da década de 1950 era uma sociedade bastante conservadora e ainda contava com leis de segregação racial, especialmente no sul do país. Assim, o rock estava relegado aos guetos negros e era tido por muita gente como a música do capeta. Para ser aceita entre os brancos, foi necessário o aparecimento de um jovem de voz potente, dança sensual e, claro, branco. Desta forma, cantando as músicas compostas pelos negros, este jovem rapaz contribuiu para popularizar o Rock não só pelos Estados Unidos, mas por todo o planeta. O nome dele era Elvis Presley, também conhecido como “o rei do Rock” e é a continuação detalhada desta história, desde sua origem até os dias atuais, que você poderá ver, ouvir e sentir na Let’s Rock Expo.

Em tempos de redes sociais, a boa notícia é que antes mesmo de conferir a exposição já é possível acompanhar, em primeira mão, o que está por vir, já que a organização do evento mantém um perfil no Twitter e uma página no Facebook. Através deles os visitantes e interessados poderão obter maiores informações sobre as datas, horários, preços, notícias, além de toda a programação do evento. O site oficial da exposição entra em funcionamento a partir de 18/03/2012 e trará maiores informações a respeito da exposição. Não deixem de visitar!!!!

Deixe um comentário

Arquivado em Cultura, Eventos, Exposições